VOCÊ CONHECE O 'EFEITO YAO MING'?
VOCÊ CONHECE O 'EFEITO YAO MING'?
Set 13, 2020

VOCÊ CONHECE O 'EFEITO YAO MING'?

Leonardo Risso FOTO: Eric Gay, Robert Seal, James Nielsen, Jesse D. Garrabrant, AP, Koichi Kamoshida

Quando o assunto é revolucionar o basquete, pensamos em ídolos como Michael Jordan, Allen Iverson, LeBron James, entre outros, mas já parou pra pensar no impacto que o chinês Yao Ming teve paro o jogo em um contexto mundial?



Nascido em 1980 em Shanghai, filho de pais ex-jogadores profissionais de basquete, Yao sempre chamou atenção por sua altura e, desde muito cedo, foi incentivado a praticar o esporte, tornando-se jogador profissional do Shanghai Sharks aos 17 anos de idade. O pivô de 2,29m de altura atuou pela equipe por 5 temporadas, consagrando-se campeão nacional em sua última com uma incrível média de 32,4 pontos, 19 rebotes e 4,8 bloqueios por jogo, o que o levou a ser selecionado como a 1ª escolha geral do Draft da NBA pelo Houston Rockets, em 2002.


Yao chegou chamando atenção não somente por sua altura impressionante, mas também por carregar a bandeira de um país que, desde a sua formação como República Popular, acredita que a construção cidadã deve andar lado a lado ao esporte e se firmou como uma das maiores potências olímpicas do mundo atual.



Em seu primeiro jogo contra o Shaquille O'neal em 2003, Yao bloqueou seu marcador 3 vezes, pegou 10 rebotes e realizou 10 pontos para garantir a vitória dos Rockets. A partida foi assistida por mais de 200 milhões de pessoas só na China, uma audiência maior que o Super Bowl XLIX (2015), o mais assistido na história da TV americana.



Sua personalidade icônica não fazia sucesso apenas fora das quadras, dentro dela foram 19 pontos por jogo (NBA) de uma carreira conhecida no mundo todo, Yao foi selecionado popularmente para jogar 8 All Star Games, sendo o jogador mais votado nas edições de 2005 e 2006 com 2,5 milhões e 1,9 milhão de votos, respectivamente.


Toda essa popularidade também foi construída em jogos pela seleção chinesa, onde conquistou 1º lugar e MVP em 3 edições do Campeonato Asiático e 8º lugar em 2 Olimpíadas. O pivô teve um impacto tão grande em seu país que foi selecionado para ser o porta bandeira na abertura da Olimpíada de 2004 em Atenas e em 2008, em Pequim.



Mas porque foi apelidado de “efeito”? Antes do Yao entrar na NBA, estima-se que, segundo o Olympic Channel, 32 milhões de pessoas jogavam ou assistiam basquete na China, hoje, segundo a própria NBA, já existem mais de 300 milhões de praticantes da modalidade no país, isso é praticamente a população inteira dos Estados Unidos.


Para uma Liga que estava em internacionalização constante com MJ e o Dream Team, ter um jogador como Yao Ming foi a chave para conquistar um mercado que cresceu muito economicamente e é apaixonado pelo jogo, o que contribui até hoje com receitas de transmissão, merchandising e na cultura como um todo. Além disso, ele tornou o basquete, segundo a Nielsen Sports DNA, o esporte mais popular e o favorito de 45% da população com menos de 30 anos em seu país natal, servindo de inspiração para vários chineses que sonham em representar sua nação nas Olimpíadas.



Hoje, Yao segue impactando o desenvolvimento do basquete na China com sua Fundação, como presidente da Chinese Basketball Association (CBA) e todo legado de um Hall of Famer. E não é só sobre o jogo que amamos, é sobre mais pessoas praticando esporte, mais pessoas aprendendo sobre valores que são ensinados apenas dentro de quadra, mais pessoas se conectando e, o mais importante, mais sonhos e oportunidades alimentadas.